charge_laerte_trabalhadores(32)

Via Esquerdaonline e com informações das centrais

O protesto é contra as reformas do governo Temer (PMDB), como a Trabalhista, da Previdência, o projeto de terceirização, entre outras, que visam colocar as consequências das crises econômica e política nas costas dos trabalhadores e da juventude.

Confira as categorias e sindicatos que já aprovaram parar na greve geral do dia 28 de abril, em Curitiba e no estado:

1- Asseio Cavo – Trabalhadores da Coleta de Lixo
2- APP Sindicato – Educadores do Estado
3- Repar – Trabalhadores da Refinaria Petrobrás
4- Metalúrgicos Região Metropolitana e de Curitiba
5- Motoristas cobradores
6- Bancários
7- Vigilantes
8- Trabalhadores dos Postos combustíveis do centro Curitiba
9- Marmoreiros
10- Servidores Campo Largo
11- Professores Campo Largo
12-Sismmac – Professores municipais Curitiba
13- Sismuc – Servidores de Ctba
14- Metalúrgicos Fiat
15- Saneamento
16- Alimentação – Ponta Grossa
17- Metalúrgicos – Ponta Grossa, Londrina, Maringá, Cascavel, Guarapuava, Irati, Pato Branco
18- SINDITEST – Técnicos Universidades Federais
19- ApufPr – Professores da Ufpr
20- Hospital de Clínicas (Sinditest / Andes)
21- Sindsaude – Trabalhadores Saúde Estadual
22-Servidores municipais de Araucária
23- Sismmar – Professores Araucária
24- Sinsep – Servidores Municipais São José dos Pinhais
25- Correios
26- Sindimoc – Trabalhadores do Transporte de Ctba
27- Sindiprol – UEL Londrina
28- Sinteemar – UEM Maringá
29- Assuel – UEL Londrina
30- Sintespo – UEPG Ponta Grossa
31- Sinteoeste – UNIOESTE Cascavel
32- UNESPAR – Universidade Estadual do Paraná
33 – SISMUP – Servidores Municipais de Pitanga
34 – STTR Pitanga – Sindicato dos Trabalhadores e das Trabalhadoras Rurais de Pitanga
35- UNINTER – Professores Setor Privado Pólo de DOIS VIZINHOS
36 – Sismmar – UEM Maringá
37 – SindiJus – Trabalhadores da Justiça PR
38 – Sintrodov – Sindicato dos motoristas Dois Vizinhos
39 – Síndicato dos trabalhadores Rurais de DOIS VIZINHOS
40 – Síndicato do professores municipais de DOIS VIZINHOS
41 – Síndicato do professores municipais VERÊ
42 – Síndicato dos professores municipais São Jorge do Oeste
43 – Sindicato dos trabalhadores rurais de Bituruna
44 – Síndicato dos técnicos da UTFPR Campus de Dois Vizinhos
45 – SINTEPFB Sindicato dos Trabalhadores em Educaçao Publica Municipal de Francisco Beltrão.
46 – Sintrafucarb
47 – Petroquímicos do Paraná
48 – Sindicato dos professores da rede particular do Paraná
49 – Senge – PR
50 – Sintrol (Transporte Público de Londrina)
51 – Sinpro (Escolas Particulares)
52 – Arquidiocese de Londrina (escritório e escritório de. paróquias)
53 – MST PR – Trabalhadores Rurais Sem Terra
54 – Sinclapol – Policiais Civis
55 – SIGMUC – Guardas Municipais de Curitiba
56 – Sindutf-PR (Professores UTFPR)
57 – Trabalhadores da Embrapa

******

*Nota do editor – Nas últimas horas, novas e crescentes adesões foram registradas em todo país. O que indica uma amplitude e um fortalecimento do movimento, atingindo diversos segmentos sociais, além das categorias mobilizadas pelos sindicatos e centrais. A mobilização realizada por diversos setores religiosos é um exemplo do alcance do chamado da greve geral(M.A)

Confira mais informações sobre a greve geral do dia 28 de abril:

28 de abril: São Paulo terá Greve Geral e protestos contra as Reformas

Greve Geral: paralisação de transportes promete parar São Paulo dia 28 de abril

Para saber mais, acesse o evento do dia 28 em São Paulo

28 de abril vamos parar o Brasil’, definem centrais sindicais