Assinatura RSS

Ato lembra 8 anos do assassinato da menina Rachel Lobo Genofre

Publicado em

Neste sábado (5), completam-se oito anos do assassinato da menina Rachel Lobo Genofre, que foi encontrada morta dentro de uma mala num desvão da Rodoferroviária de Curitiba, vítima de estrangulamento e violência sexual.  Para marcar a data, familiares, amigos, amigas e movimentos sociais realizam nessa data um Ato Público na Rodoferroviária, a partir das 11h30, mantendo firme a exigência perante o Estado de resolução do crime.  

Rachel Lobo Genofre, com nove anos de idade em 2008, desapareceu em 03/11 depois de deixar a escola onde estudava, no centro de Curitiba.  Seu corpo foi achado numa mala na estação dois dias depois, com brutais sinais de violência.  O inquérito policial está em aberto até hoje, tendo dezenas de suspeitos já passado por testes de DNA, todos não compatíveis com os vestígios achados no corpo de Rachel.
Diante dos insucessos da polícia, o Estado chegou a oferecer indenização à família da menina, que a recusou, por entender que, além de não amenizar a dor de familiares, mantem o crime irresolvido e também em nada ajuda para evitar que crimes similares se repitam, Registre-se, aliás, que o mais recente estudo de violência contra mulheres e meninas aponta a ocorrência de um estupro a cada onze minutos no Brasil, uma cifra tenebrosa.
Ao lado de mulheres e meninas do Paraná, a família de Rachelzinha exige mais agilidade e competência do Estado para a resolução e punição dos numerosos casos de violência e de feminicídio, além de políticas públicas que baixem os altos índices desses crimes.
Assim, como acontece todos os anos desde 2008, ocorrerá um Ato na Rodoferroviária no sábado, para lembrar Rachel e tantas outras jovens cujas vidas foram barbaramente ceifadas, como o caso da menina Tayná, de 14 anos, achada morta em Colombo. Movimentos que organizam esta manifestação solicitam ao poder público que – para homenagear a memória de Rachel e com isto também manter permanente na população a preocupação com tão grave problema – seja a maior estação da capital nomeada “Rodoferroviária de Curitiba Rachel Maria Lobo Oliveira Genofre”.
Fonte: Blog da UBM-PR
Anúncios

Manifeste-se!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: