Assinatura RSS

Manifestação contra a ‘privatização branca’ da Copel e Sanepar na Alep nesta segunda

Publicado em

Nesta segunda-feira(12), movimentos sociais, entidades sindicais, grupos organizados em rede pela internet e o Fórum Popular em Defesa das Empresas Públicas realizarão uma manifestação contra a venda de ações das empresas públicas Copel, de energia, e Sanepar, saneamento e água. A manifestação objetiva pressionar os deputados e o governador Beto Richa(PSDB) para impedir a aprovação do PL 435/16, que permitirá a venda de ações das duas empresas que integram o patrimônio público do Estado do Paraná

Foto de Em Defesa das Empresas Públicas.

 

O projeto, se aprovado, é um verdadeiro  “cheque em branco’ para o governo tucano alienar o controle público das empresas via venda de ações e de outros ativos da Copel e da Sanepar.

A justificativa do governo Beto Richa, mais uma vez, é de fazer caixa para garantir  o ajuste fiscal aplicado pela administração estadual.

O governo pretende arrecadar R$ 2 bilhões com a venda de ações da Copel e Sanepar, segundo declaração do secretário de desmonte do estado, Mauro Ricardo.

O “ajuste fiscal” de Beto Richa lesa o povo do Paraná

O governo tucano quer novamente lesar o povo paranaense para cobrir contas de uma administração irresponsável. Em 2014, foi o aumento elevadíssimo do ICMS em mais de 95 mil itens, o aumento do IPVA, a taxação das aposentadorias e outros cortes no bolso da população para o rombo. Agora, querem sacrificar parte da Copel e da Sanepar.

Hoje os paranaenses detêm 58,6% das ações da Copel e 74,97% da Sanepar. Com a venda, o governo entregará 8,5% das ações da Copel. No caso da Sanepar, o leilão será de cerca de 25% das ações da empresa.

As empresas arrecadam por ano R$ 200 milhões aos cofres do governo. A perda anual com a venda do excedente dos ativos da Copel e Sanepar no mercado financeiro poderá chegar a R$ 60 milhões por ano.

Fundamentais para o desenvolvimento do Paraná, para o acesso à água, ao saneamento básico e demais serviços essenciais à população, a Copel e a Sanepar são as empresas mais lucrativas do povo paranaense.

Em 2015, a Copel atingiu uma receita operacional líquida de cerca de R$ 14 bilhões, e um lucro líquido de R$ 1,3 bilhão. O patrimônio líquido da estatal de energia elétrica, que tem uma carteira de 4,5 milhões de clientes, é de R$ 13 bilhões.

A Sanepar também apresenta números respeitáveis e atrativos para o mercado. No mesmo ano, a receita operacional líquida da empresa de saneamento foi de quase R$ 3 bilhões, o lucro líquido foi de R$ 438 milhões, e o patrimônio líquido da empresa é estimado em R$ 4,2 bilhões.

E não são apenas números como esses que estão em risco com a entrega de parte da empresa. As estatais representam também a vida de milhares de trabalhadores e familiares. São 8.813 funcionários próprios e 6.457 terceirizados na Copel, e 7.473 empregados próprios e 3 mil terceirizados na Sanepar. São mais de 26 mil trabalhadores nas duas estatais.

Serviço

Manifestação em defesa das empresas públicas Copel e Sanepar

Dia 12/9 – segunda-feira

14h na Assembleia Legislativa

Depois 17h – Concentração na Pça 19 de dezembro. Ato Fora Temer/Fora Cunha

 

*Com informações do Fórum Popular em Defesa das Empresas Públicas

Anúncios

Manifeste-se!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: