Assinatura RSS

Carta aberta de educadores da rede estadual condena governo Beto Richa

Publicado em

Um grupo de professores da rede estadual de educação enviou ao blog uma ‘Carta aberta dos educadores da rede estadual à população paranaense’. O documento, assinado por educadores de todas as regiões do estado, condena fortemente a gestão do governador tucano Beto Richa. Além disso, a ‘carta’ alerta para a necessidade de prosseguir na luta em defesa da educação pública ameaçada pelo desmonte patrocinado pelo governo estadual. Veja  a íntegra do documento

Resultado de imagem para fotos da professora angela massacre 29 de abrilFoto símbolo do massacre aos professores em 29 de abril de 2015

CARTA ABERTA DE EDUCADORES DA REDE ESTADUAL À POPULAÇÃO PARANAENSE

 

Dia 29 de abril de 2015: para que nunca mais se esqueça, para que nunca mais aconteça!

Nós, educadores da Rede Estadual de Educação do Paraná, no dia 29 de abril de 2015, sentimos da forma mais vil e truculenta a maneira como Senhor Governador Beto Richa e seu partido, o PSDB, tratam a Educação. Para Beto Richa e para o PSDB, Educação não é a forma de emancipar o ser humano para a cidadania, mas sim, caso de polícia.

Nesta tão fúnebre data, nós, educadores, juntamente com representantes de outras categorias do funcionalismo público estadual, sentimos na pele o quão pesada é a mão do PSDB  no governo. Ao nos mobilizarmos em defesa de nosso fundo previdenciário, a ParanáPrevidência, o estado do Paraná, na figura no do seu representante maior, governador Beto Richa, não economizou munição e nem em contingente policial, desencadeando um verdadeiro massacre contra aqueles que somente buscavam garantir direitos assegurados por lei: o direito à livre manifestação, garantido em nossa Carta Magna, e o direito de termos uma aposentadoria que garanta nossa sobrevivência com dignidade no futuro.

O clamor popular dos mais de 20 mil manifestantes que se concentravam no Centro Cívico, em Curitiba, naquele 29 de abril de 2015, foi solenemente ignorado pelo Palácio Iguaçu, que se certificou, através de forte aparato repressor, de que nossas vozes fossem silenciadas pelo som das milhares de bombas de efeito moral e tiros de bala de borracha disparados contra nós, meros cidadãos servidores públicos desarmados. O resultado desta ação tão truculenta foi nada menos que um MASSACRE, onde mais de 200 pessoas saíram feridas.

O som dos helicópteros que nos lançavam bombas de efeito moral do céu ainda ecoam em nossos ouvidos. O cheiro de gás lacrimogênio ainda impregnam nossos pulmões. Nossos olhos ainda ardem pelo efeito do gás de pimenta. Nossa pele ainda carrega feridas e hematomas das balas de borracha, metodicamente miradas para acertar nossos corpos acima da cintura. Na nossa alma, pesa a humilhação imposta por tamanha barbárie.

Esta mancha sórdida e indelével na História do Paraná se criou em decorrência do descaso de Beto Richa para com o funcionalismo – em especial com os educadores, já que somos a maior categoria dentre os servidores estaduais -, somada à falta de cuidado com o erário do povo paranaense, já que “tomar de assalto” parte do dinheiro da ParanáPrevidência era essencial para que o governador pagasse as contas do estado – contas estas que, durante sua campanha à reeleição, Beto Richa afirmava categoricamente que estavam “em dia”.

A falácia do bom gestor foi desmascarada no dia 29 de abril de 2015, quando em desespero para pagar fornecedores, Beto Richa literalmente derramou o sangue de servidores públicos, estudantes e cidadãos presentes no Centro Cívico naquele tão nefasto dia, “abocanhando” milhões de reais do fundo previdenciário dos servidores paranaenses.
Não obstante em nos machucar moral e fisicamente, Beto Richa continuou a tratar os educadores com descaso, se negando a negociar com nossa legítima representante, a APP Sindicato, ou apresentando propostas pífias à categoria, o que prolongou a greve, iniciada em 25 de abril, até o início de junho de 2015.

Após o fim da greve, o governo de Beto Richa, do PSDB, continuou dando mostras de seu descaso para com a Educação. Além de não implementar promoções e progressões nas carreiras dos educadores – uma dívida milionária para com a categoria -, parte das escolas do Paraná sofreram e continuam a sofrer com um grave problema: a falta de merenda escolar. Durante o primeiro semestre de 2016, e novamente agora, no segundo semestre deste ano, por muitas vezes faltam ingredientes em muitas escolas deste estado, o que levou os educadores a pedirem doações para a comunidade afim de garantir esta refeição que é, sabidamente, a refeição mais nutritiva que muitos dos nossos alunos terão ao longo do dia. Deixar faltar merenda escolar é o maior dos acintes que um governo pode cometer contra os estudantes da rede pública!

Diante da forma intransigente, truculenta e displicente com a qual Beto Richa e seu partido, o PSDB, tratam a Educação no Paraná, nós, educadores de todo Estado, alertamos a população: BETO RICHA É INIMIGO DA EDUCAÇÃO PÚBLICA. BETO RICHA NÃO TEM COMPROMISSO COM A EDUCAÇÃO PÚBLICA.

Como estamos em período de campanha eleitoral, onde vários candidatos pleiteiam cargos em âmbito municipal (prefeitura e vereança), é nosso dever DENUNCIAR O DESCASO DE BETO RICHA PARA COM A EDUCAÇÃO PÚBLICA NO PARANÁ, e provocar um simples questionamento: QUAL É O COMPROMISSO PARA COM A EDUCAÇÃO DE UM CANDIDATO APOIADO POR BETO RICHA? COMO UM CANDIDATO, APOIADO POR BETO RICHA, PODE SER DEFENSOR DA EDUCAÇÃO PÚBLICA, QUANDO SEU APOIADOR JÁ PROVOU SEU DESDÉM PELA MESMA?

O Centro Cívico em Curitiba estará para sempre manchado pelo sangue dos trabalhadores que lutam por um serviço público de qualidade, por condições de trabalho que atendam a contento às demandas da população paranaense, contra o desmonte dos serviços públicos, em especial a Educação, pois esta emancipa, liberta, empodera e garante a cidadania plena.
Nós, educadores da Rede Estadual de Ensino, vimos fazer um apelo, em nome da Educação Pública: não seja conivente! Não se alie àqueles que são apoiados por Beto Richa.

A sua cidade, o nosso Paraná merece mais.

Assinam esta Carta Aberta:

Paola Aparecida Fernandes
Professora
Foz do Iguaçu

Inês Magali Maciel
Agente Educacional II
Foz do Iguaçu

Maria Madalena Ames
Professora
Foz do Iguaçu

Elis Padilha
Professora
Foz do Iguaçu

Luciane do Prado Santos
Agente II
Foz do Iguaçu

Angelica Meirelles
Professora
Foz do Iguaçu

Telma Nakasoni Corte
Professora
Foz do Iguaçu

Alice Garcia
Pedagoga
Foz do Iguaçu

Marco Aurélio Morel
Professor
Foz do Iguaçu

Roberto Mazzacote
Intérprete
Foz do Iguaçu

Bruna Carline Alves
Professora
Foz do Iguaçu

Elaine Cardoso Teotônio
Pedagoga
Foz do Iguaçu

Andrea Morais Pereira
Professora
Cascavel

Izabel Cristina de Oliveira
Professora
Cascavel

Alain Leonel
Professor
Guaratuba

Magda Jocely das Graças Nunes Rossi
Professora
Curitiba

Fabiane Leite
Pedagoga
Curitiba

Fredy Estupinan Carranza
Professor
Curitiba

Maria Goretti Almeida
Pedagoga
Maringá

Diego Freire Calegari
Agente Educacional II
Maringá

Eyrimar Fabiano Bortort
Professor
Curitiba

Andrea B. W. Gimenez
Professora
Curitiba

Helio Fernandes
Professor
Cascavel

Juliana C. Muterlle
Professora
Curitiba

Maria Eneida Fantin
Professora
Curitiba

Lúcia Galeti
Professora
Curitiba

Maria Aparecida Pimentel Arruda
Professora
Curitiba

Ozanam A. Souza
Professor
Curitiba

Purcina Maria Souza Ribeiro
Professora
Curitiba

Maria Elizabete Tormina
Professora
Curitiba

Antonio Navarro
Professor
Curitiba

Maria Verônica da Silva
Professora
Curitiba

Valesca Giordano Litz
Professora
Curitiba

Sidonia Maria Forte
Professora
Curitiba

Osmar Casturino Batista Leal
Professor
Curitiba

Cecília Quaresma Ribeiro
Professora
Curitiba

Helton Roberto Leal
Professor Intérprete
Curitiba

Ivanete Sebastiana dos Santos
Professora
Curitiba

Isabel Cristina Calzado Trindade
Professora
Curitiba

Laura Jesus de Moura e Costa
Professora
Curitiba

Cibele Gonzaga de Moura
Professora
Curitiba

Thereza Chistina Costa Duarte
Professora
Curitiba

João Paulo Marchiotto Silveira
Professor
Curitiba

Talita Nascimento
Professora
Curitiba

Mailde Adelia Casagrande
Professora
Curitiba

Rosa Pacheco
Professora
Cascavel

Francisco Manoel de Assis França
Professor
Curitiba

Claudinei Benedito Pereira
Agente Educacional II
Maringá

Donizeti Camilo Soares
Professor
Curitiba

Maria Carolina Lobo Oliveira
Pedagoga
Curitiba

Ermes Marques Pedrosa
Professor
Fazenda Rio Grande

Luciano Almeida
Professor
Curitiba

Roberto Shiniti Fujii
Professor
São José dos Pinhais

Marcos Wagner Skaraboto Lopes
Professor
Maringá

Regina Corcini
Professora
Maringá

José Rivelino Rocha
Professor
Curitiba

Rita de Cássia Queiroz
Professora
Curitiba

Celso Eduardo Fumagalli
Professor
Curitiba

Cristiane Bogo
Professora
Curitiba

Regiane Ribeiro
Pedagoga
Curitiba

Elisabete de Fátima Schmidt
Agente Educacional I
Curitiba

Adriano Stachuk Hohmann
Professor
Curitiba

Maria Zenaide Batista Grigoletto
Professora
Curitiba

Estefan da Silva Albino
Agente Educacional II
Curitiba

Maria Jarci Hoffman Machado
Professor
Curitiba

Sara Scariot
Professora
Curitiba

Marcia Gonçalves Lopes dos Santos
Professora
Curitiba

Letícia Andreguetto Maciel
Professora
Curitiba

Dayane Marchiori de Castro
Pedagoga
Curitiba

Solange Aparecida da Silva
Agente Educacional II
Curitiba

Vilma Banks
Agente Educacional II
Curitiba

Danielle Kindrajh
Professora
Curitiba

Adélia Ribeiro
Professora
Curitiba

Ronald Wykrota
Professor
Curitiba

Maísa Ramos da Rosa
Pedagoga
Curitiba

Edson Luiz Martins
Professor
Curitiba

Tony Tano
Professor
Piraquara

Mirilaine Brites
Professora
Curitiba

Virgínia Gonçalves de Luna
Professora
Curitiba

Ari Pereira Neto
Professor
Curitiba

Alesandra Carpen Schultz
Pedagoga
Curitiba

Wivianne de Fátima Ribeiro Stedile
Agente Educacional II
Curitiba

Debora Aparecida da Silveira
Pedagoga
Curitiba

Ailton Maria de Campos
Professor
Curitiba

Claudino Dias
Professor
Curitiba

Everton de Oliveira
Professor
Curitiba

José Cândido de Moraes
Professor
Curitiba

João Carlos de Carvalho
Professor
Curitiba

Maria José Bogo
Pedagoga
Curitiba

Dione Rodeiro
Professora
Curitiba

Barbara Bueno Furquim
Professora
Curitiba

Marco Aurélio Ferreira da Silva
Professor
Curitiba

Andrey Kleber Migliorini
Professor
Curitiba

João Almir Soares
Professor
Curitiba

Reseli Terezinha da Silva
Agente Educacional II
Curitiba

Denis Bornatowski
Professor
Curitiba

Neodildo Ribeiro Martins
Pedagogo
Cascavel

Jefferson Santos
Professor
Curitiba

Halina dos Santos França
Professora
Curitiba

Guilherme Dal Moro
Professor
Curitiba

Júlio Cézar Bittencourt
Professor
Curitiba

Beatriz de Cássia Proença Bittencourt
Professora
Curitiba

Aline Parolin Ceccon
Professora
Curitiba

Samuel O. Da Silva
Professor
Curitiba

Willian A. C. Boldori
Professor
Curitiba

Hildebrando de Araújo
Professor
Curitiba

Emerson de Oliveira Santos
Professor
Curitiba

Andrea Fiqueiredo Arantes
Professora
Curitiba

Ana Carla Wolski Borille
Professora
Curitiba

Miria Rosa Boiko Malisak
Agente Educacional II
Curitiba

Alessandro Reina
Professor
Curitiba

Juliana Parolin Ceccon
Professora
Curitiba

José Vialich Junior
Professor
Curitiba

Josemar A. Loyola
Professor
Curitiba

Wilzeli Rejane do Amaral
Pedagoga
Curitiba

Anúncios

Manifeste-se!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: