Assinatura RSS

Prá refrescar a memória dos petistas de Curitiba: Massuda foi ‘fritado’ em óleo de andiroba

Publicado em

Em postagem de 30 de março, o Blog já apontava a situação difícil do secretário municipal de Saúde, Adriano Massuda(PT). Naquele momento já estava em curso sua ‘fritura’, de forma lenta e gradual. Este Blog utilizou a metáfora da fritura com a utilização do óleo de andiroba, produzido a partir de sementes amazônicas e usado pelos índios para mumificar a cabeça dos seus inimigos, ritual, acredito eu, que será dispensado pelo prefeito Gustavo Fruet(PDT). A demanda dos militantes e filiados do partido para uma ‘DR’ sobre a participação da legenda na administração municipal é urgente e imperiosa.

GREVE NA SAÚDE ‘TENSIONA’ RELAÇÃO FRUET-PT

Publicado em

A greve dos servidores da Saúde de Curitiba, retomada nesta segunda-feira(30), em função de um calote da gestão do prefeito Gustavo Fruet(PDT) na categoria, se tornou mais um ponto de tensão na já esgarçada relação entre a administração e o PT.

img_2345

Massuda “fritado” em óleo de andiroba*

A pasta é pilotada pelo petista Adriano Massuda, que vem sendo “fritado” em óleo de andiroba – de forma lenta e sem cheiro de fumaça -, essa é uma avaliação de diversos petistas graduados da cidade.

Nos últimos dias, depois do anúncio da retomada greve, a tensão cresceu nas fileiras petistas. Vereadores do PT e lideranças tentaram gestões no sentido de evitar o movimento grevista: o Sismuc, sindicato da base da CUT, não atendeu os apelos e intensificou a preparação do movimento, que foi amplamente apoiado na assembleia da categoria.

Calote 

A greve foi uma resposta ao descumprimento dos acordos que foram discutidos ao longo do ano passado. Além do calote nos reajustes, a categoria reclama que parte das horas extras ainda não foi paga. Em janeiro deste ano, a dívida da prefeitura com os servidores da saúde chegava a R$ 1,5 milhão por causa dessas horas extras, mas, até o mês de março, cerca de R$ 600 mil ainda não havia sido repassado aos funcionários.

Em nota, a prefeitura de Curitiba informou que fará até o dia 17 de abril deste ano o pagamento de reajustes do vencimento básico da categoria referente aos meses de dezembro de 2014 e janeiro e fevereiro de 2015.

A greve atinge 80% do contingente da categoria composta por 7,5 mil profissionais e afeta todas unidade de saúde da cidade.

Uma passeata saindo da Praça Santos Andrade segue neste momento em direção ao Palácio 29 de Março, sede da prefeitura.

*Vindo do Tupi, Ândi´Roba,  que significa óleo amargo, é extraído de suas sementes, que caem entre janeiro e maio (florescem de agosto a outubro). É reconhecido oficialmente pelo Ministério da Saúde por suas propriedades fitoterápicas. O óleo de andiroba era usado pelos índios para mumificar a cabeça de seus inimigos.

Anúncios

Manifeste-se!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: