Assinatura RSS

Governo Beto Richa é desaprovado por 76% dos paranaenses

Publicado em

Popularidade do governador tucano despencou após anúncio do “pacotaço” que prevê aumento de impostos e confisco na previdência.

1535028_641070649300077_1978417037_n

Crise na Educação fez popularidade de Beto Richa(PSDB) despencar

A avaliação do governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), caiu quase 50 pontos entre o fim de 2014 e março deste ano. De acordo com levantamento do Instituto Paraná Pesquisas encomendado pelo jornal “Gazeta do Povo”, 76% dos paranaenses desaprovam o governo Richa.

Em dezembro, o índice de aprovação estava em 65%, enquanto em novembro, 74%. No levantamento atual, a taxa caiu para quase 20%.

Além disso, 71% dos entrevistados avaliam que o governo do tucano no Paraná está caminhando pior do que a expectativa. Quase 23% dos paranaenses acreditam que Richa está mantendo a perspectiva dos eleitores.

O levantamento ainda apontou que 57% dos eleitores de Richa disseram que não votariam no tucano novamente. Com isso, se as eleições fossem hoje, ele poderia não ser reeleito, pois apenas 38% dos entrevistados afirmaram que manteriam o voto.

A popularidade do governador tucano despencou logo após o anúncio do pacote de medidas conhecido como ‘’pacotaço’. A iniciativa de Richa prevê o aumento de impostos como o IPVA e ICMS, além de cortes no fundo previdenciário de professores e funcionários estaduais. O projeto defende ainda o condicionamento da progressão de carreira de professor à disponibilidade de caixa.

Fonte: Da Redação da Agência PT de Notícias

Anúncios

Manifeste-se!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: