Assinatura RSS

Opinião ## Força Sindical critica mudanças nas regras dos benefícios

Publicado em

Força Sindical critica governo e mudanças nas regras de benefícios

Por Miguel Torres*

“As mudanças nas regras de concessão do seguro-desemprego, pensão por morte, auxílio-doença, abono salarial, anunciadas pelo governo federal, vão mexer com a vida dos trabalhadores e jogar milhares de cidadãos brasileiros ao deus-dará.

Num momento em que o País vive a expectativa de aumento do desemprego, da inflação, dos juros, e em que o governo deveria abrir o debate com o Congresso Nacional, ele anuncia mudanças por meio de medidas provisórias que vão prejudicar tão somente a população que já sofre com a falta de políticas públicas.

Em vez de agir com rigor para acabar com as fraudes e punir os responsáveis pelos desvios, o governo pratica a política Robin Hood ao contrário: tira exclusivamente dos pobres e os pune na hora em que eles mais precisam dos benefícios. Para onde irão os R$ 18 bi a serem economizados?

A Força Sindical critica o governo, que chamou as centrais sindicais para tão somente informar sobre as medidas e não para discutir e buscar alternativas.

O movimento sindical irá para as ruas para pressionar o Congresso Nacional a derrubar a medida provisória imposta à sociedade, como se ela não tivesse voz nem vez”.


*Presidente da Força Sindical, CNTM e Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo

Anúncios

Uma resposta »

  1. eu acho devemos botar o bloco na rua contra este ato autoritário antes que venhamos a ter um novo ai5

    Curtir

    Responder

Manifeste-se!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: